NOTÍCIAS

Justiça proíbe greve de servidores da Educação e Saúde, em Limeira – Notícia de Limeira

Compartilhe

 A decisão contempla parcialmente ação judicial movida pela Prefeitura de Limeira contra o movimento grevista

 A Justiça de Limeira concedeu na tarde deste sábado (12) liminar que obriga servidores municipais das áreas da Saúde e Educação trabalharem com 100% do efetivo na segunda-feira (14), data que foi anunciada uma greve do funcionalismo municipal.

 A decisão contempla parcialmente ação judicial movida pela Prefeitura de Limeira contra o movimento grevista.

 Segundo despacho do juiz Rafael Pavan de Moraes Filgueira, a educação infantil básica, creche e fundamental I e II devem ser mantidos na sua integralidade. Assim se aplica aos servidores da Saúde.

 A Justiça ainda determinou que seja garantido trabalho essencial para 40% do funcionalismo. A Prefeitura recorreu à Justiça após sindicatos recusarem proposta de reajuste de 10% em março e 10% em maio, o que no acumulado dá aproximadamente 21% e ainda aumento para R$ 500,00 do vale alimentação. (Da redação portal Notícia de Limeira)

Compartilhe

Comentários

comentários